Morro de São Paulo

Morro de São Paulo

Pegamos vôo VCP – SSA (2h15) da Azul das 9:15.
Um dia antes da nossa vinda, o João conseguiu o transfer junto com a empresa Cassi Turismo, no qual pegamos o ônibus (duração 3h30) no aeroporto com destino a Valença. Tivemos alguns perrengues nesse ônibus, como o motorista ir em direção ao norte (Valença fica ao Sul) e quando notou que estava errado, andou na contra mão na rodovia – todo mundo ficou super apreensivo… até trocarem motorista e chegarmos bem em Valença…
Aí la, pegamos a lancha que foi até que rápido (o bom de ter vindo por essa empresa, é que mesmo com o atraso da confusão do ônibus, a lancha estava esperando por nós, pois devido ao lockdown, as travessias estão reduzidas).

A lancha foi até que rápida e chegamos na ilha (esse transporte pagamos R$140,00 p/p (as meninas, no nosso colo, não pagaram).

Ao chegar na ilha, pagamos R$20,00 por mala grande (10 a pequena), para chegar até a praia 2, onde teria nosso transfer até o hotel (esse valor parece ser “caro”, mas vale a pena, pq o percurso é punk pra ir com mala e crianças!!


Nosso hotel (Patachocas) oferece transfer em algumas horas, mas como o ônibus atrasou, o próximo transfer seria 1 hora depois.. como estávamos cansados, pagamos o táxi (60,00) até o hotel!!

Fizemos o passeio “Volta a Ilha” de Tinharé, que sai umas 9:30h da 3ª praia de Morro, parava em duas piscinas naturais (Guarapuá, que é a praia vizinha, e Moreré, que fica na ilha de Boipeba) cheio de peixinho, os dois lugares são bem explorados pelo turismo – contando até com bar flutuante) Dica: levar ração para os peixinhos – eu não sei onde vende, mas vi vários turistas com um saquinho!!

Depois paramos em Boipeba, na praia da Cueira – já passei um réveillon la, e amei a ilha… tem uma vila super fofa e bem menos explorada que Morro… pelo passeio ficamos só 2h, o que só deu tempo de almoçar (lagosta para família por 160,00).

Depois passamos pelo rio do Inferno, no encontro da água do rio com mar, e paramos no rio das Ostras – eu amo ostras, mas não consegui comer… fiquei com medo de passar mal! Tomei um suco de cacau com biribiri e amei!!!! Muito bom!

Última parada foi em Cairú, que é a sede administrativa do arquipélago (e prefeitura) numa parada de 40 minutos. Visitei a igreja e convento de Santo Antônio, que é Patrimônio da Humanidade, e começou a ser construído em 1964 – para entrar na cidade paga R$4,00 e no convento mais R$4,00).

Depois, para finalizar, voltamos para Morro, sob um por do sol maravilhoso!!! Tirei mil fotos kkkkk até chegar no ancoradouro da ilha!! Todo esse passeio pagamos R$180,00 por pessoa (o preço é tabelado) e as meninas (1 e 4 anos) não pagaram!! Tem uma outra opção de volta a ilha Vip, mas só descobrimos duramos o passeio… ele custa R$250,00 e parece ser mais exclusivo! – Obs: esse passeio, foi bem tranquilo fazer com as meninas!! E elas adoraram!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo